Bahia Urgente

Bahia Urgente


Resultado da busca pelo arquivo de "07/2015"

Bug descoberto em sistema Android pode afetar até 1 bilhão de telefones

Sexta | 31.07.2015 | 20h03


(Foto: Ilustração)

Um bug descoberto no sistema operacional Android pode ter deixado cerca de 1 bilhão de telefones vulneráveis a ataques de hackers, segundo pesquisadores. A falha no sistema podia ser explorada toda vez que alguém enviava uma mensagem de foto ou vídeo para um smartphone. O Google disse que corrigiu o problema, mas que milhões de aparelhos precisam atualizar o seu software.A falha, segundo os pesquisadores, era "extremamente perigosa". Ela permitia que hackers enviassem um código malicioso dentro de uma mensagem de multimídia que podia acessar um serviço dentro do Android chamado Stagefright. Depois de o Stagefright ser ativado - mesmo sem ação do dono do celular neste sentido -, outros aplicativos ou dados do aparelho podiam ser acessados pelo código malicioso. "Estas vulnerabilidades são extremamente perigosas pois não precisam de nenhuma ação da vítima para serem exploradas", escreveram os pesquisadores, da companhia americana especializada em segurança Zimpherium. Para eles, esta é a mais grave vulnerabilidade do Android já registrada e afetou 950 milhões de aparelhos.Os pesquisadores vão revelar mais detalhes sobre esta falha no Android em uma conferência sobre segurança em Las Vegas na semana que vem.

Vacina contra ebola tem êxito em teste e pode acabar com surto, diz OMS

Sexta | 31.07.2015 | 19h08


(Foto: Reprodução)

O mundo está pela primeira vez prestes a ser capaz de proteger os seres humanos contra o ebola, disse a Organização Mundial da Saúde (OMS) nesta sexta-feira (31), após dados de um teste na Guiné mostraram que uma vacina foi 100 por cento eficaz. Os resultados iniciais do estudo, que testou a vacina VSV-ZEBOV, da Merck e da NewLink Genetics, em cerca de 4.000 pessoas que estiveram em contato próximo com um caso de ebola confirmado, mostrou 100 por cento de proteção após dez dias. Os resultados foram descritos como "notáveis" e "virada no jogo" por especialistas em saúde. "Acreditamos que o mundo está prestes a ter uma vacina eficaz contra o ebola", disse a especialista em vacinas Marie Paule Kieny, da OMS, em uma entrevista à imprensa em Genebra. A vacina pode agora ser usada para ajudar a acabar com o pior surto de ebola já registrado até hoje, que matou mais de 11.200 pessoas na África Ocidental desde que foi detectado em dezembro de 2013.

Maioria da população tem medo da Polícia Militar, diz pesquisa Datafolha

Sexta | 31.07.2015 | 17h01


(Foto: Reprodução)

Boa parte da população brasileira tem medo da Polícia Militar. Pesquisa do Instituto Datafolha divulgada nesta sexta-feira (31) indica que 62% dos moradores de cidades com mais de 100 mil habitantes têm medo de sofrer agressão de policiais militares. De acordo com a Folha de S. Paulo, o levantamento foi feito por encomenda do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, que reúne pesquisadores da área. Já em relação à Polícia Civil, o temor é menor, mas ainda está presente em metade da população: 53%. O levantamento do Datafolha mostrou também que 81% dos entrevistados temem ser assassinados. A pesquisa mostra ainda que o medo é maior entre jovens, pobres, autodeclarados pretos e moradores do Nordeste. (Bahia Notícias).

Fies recebe R$ 5,1 bilhões de crédito extraordinário liberado por MP

Sexta | 31.07.2015 | 11h24


(Foto: Ilustração)

A presidente Dilma Rousseff e o ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, liberaram um crédito extraordinário de R$ 9,8 bilhões para o Ministério da Educação (MEC), de Encargos Financeiros da União e Operações Oficiais de Crédito. Do valor estabelecido, R$ 5,178 bilhões serão  reservados ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). As informações foram publicadas na edição desta sexta-feira (31) do "Diário Oficial da União". Trata-se de um crédito extraordinário por ser um valor concedido além do orçamento da Educação estipulado pelo governo federal. Da quantia destinada ao Fies, R$ 4,2 bilhões serão utilizados para consessão de contratos do programa. Além disso, R$ 578 milhões serão usados para a administração do programa e R$ 400 milhões para integralização de cotas do Fundo de Garantia de Operações de Crédito Educativo (FGEDUC). Para a pós-graduação e educação superior, foram liberados R$ 35,8 milhões.

Banco do Nordeste confirma concurso para cargos de nível superior

Sexta | 31.07.2015 | 10h31


(Foto: Divulgação)

O Banco do Nordeste confirmou que vai abrir concurso para cargos de nível superior em Direito, Economia, entre outras áreas. Além disso, haverá vagas também para as especialidades de Agronomia, Economia e Zootecnia, com exigência de mestrado e doutorado. O órgão ainda não confirmou quando o edital deve ser publicado, mas, de acordo com a Folha Dirigida, o órgão vem passando por fase de adaptação da nova gestão para, posteriormente, dar início aos preparativos da seleção. O número oficial da oferta ainda não foi definido, porém, o esperado é que seja grande, já que de acordo com a presidente da Associação dos Funcionários do Banco do Nordeste do Brasil (AFBNB), Rita Josina Feitosa, existe atualmente uma enorme carência no quadro. A expectativa é de que essa e outras informações comecem a ser divulgadas nos próximos meses.

 

Greve de servidores do INSS prejudica execução de nova lei da aposentadoria na Bahia

Sexta | 31.07.2015 | 10h03


(Foto: Divulgação)

Por conta da greve dos servidores do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), possíveis beneficiados com a nova regra 85/95, que prevê o pagamento do benefício integral sem as perdas do fator previdenciário, são prejudicados na Bahia. A nova fórmula da aposentadoria prevê que os segurados podem escolher se querem se aposentar pela fórmula 85/95 ou pelo fator previdenciário, a partir do momento de requisição da aposentadoria. De acordo com o órgão, o sistema informa também qual é o benefício mais vantajoso. O agendamento pode ser feito em outubro, ou mesmo só para o final de dezembro, a depender do local em que o candidato à aposentadoria residir. Com base no último boletim divulgado pelo INSS, 45% das unidades baianas estão paralisadas, o que corresponde a 60 do total de 133 agências do órgão no estado, informou o Correio. Em Salvador, o atendimento parcial está disponível apenas nas agências das Mercês, Centro Histórico, Brotas e Itapuã. Além do reajuste salarial, a categoria pede a ampliação do quadro de funcionários por concurso público, a incorporação das gratificações ao salário e a melhoria das condições de trabalho. Quanto ao aumento, os servidores reivindicam 27,3%, que alegam ser reposição das perdas salariais desde 2010. O governo ofereceu 21%, divididos ao longo dos próximos quatro anos. (Bahia Notícias).

Presidente Dilma propõe a governadores pacto para reduzir taxa de homicídios

Sexta | 31.07.2015 | 09h28


(Foto: Reprodução)

A presidente Dilma Rousseff disse aos governadores brasileiros, em reunião nesta quinta-feira (30), no Palácio da Alvorada, que a saída em momentos de crise como o atual é fazer mais com os recursos existentes, tornando-os mais eficientes. Nesse sentido, ela propôs um pacto nacional pela redução dos homicídios no país. Segundo a presidente, essa proposta tem origem no fato de o Brasil ser hoje a nação com maior número absoluto de homicídios. “A taxa nacional de homicídios é 23,32 homicídios por 100 mil habitantes, quando o número aceitável, segundo padrões internacionais, é até 10 por 100 mil habitantes. Por isso, propomos aqui nossa cooperação federativa, concentrando esforços – União, estados, municípios e integrando o Judiciário – para enfrentarmos o problema”, conclamou. Dilma explicou que a proposta é que este pacto seja baseada em políticas sociais focadas prioritariamente nos territórios vulneráveis em todas as 27 unidades da Federação. Assim, acredita, o Brasil poderá obter uma redução média significativa entre 2015 e 2018. Ela defendeu ainda a cooperação na redução do déficit carcerário e reintegração social do preso, principalmente por meio do novo programa Pronatec Aprendiz. Para Dilma, essa é uma alternativa para, em vez de levar os adolescentes à prisão, como propõem os defensores da redução da maioridade penal, ‘levá-lo para o caminho da ética, do trabalho e do aprendizado”. (Bahia Notícias).

Servidores de Saúde do estado mantêm greve e prometem manifestação nesta sexta

Sexta | 31.07.2015 | 08h48


(Foto: Divulgação)

Os servidores de Saúde da Bahia farão uma manifestação em frente à sede da Secretaria da Administração (Saeb), no CAB, para protestar pela restituição dos salários cortados e contra a falta de avanços nas negociações, na manhã desta sexta-feira (31). A decisão foi tomada na manhã da quinta (30), quando a categoria decidiu continuar a greve iniciada no dia 17 de julho após o governo não enviou ao Sindsaúde-ba nenhuma contraproposta à pauta de reivindicações, como acertado na mesa de negociação que aconteceu na quarta (29). Várias delegações do interior participaram da assembleia, como Teixeira de Freitas, Brumado, Itaberaba, Alagoinhas, Santo Antônio de Jesus, Feira de Santana, Vitória da Conquista, Ibotirama, Cruz das Almas, Seabra, Boquira, Irecê e Macaúbas. Na reunião os representantes do governo se comprometeram apenas com a efetivação dos processos de progressão e promoção, com efeitos financeiros previstos para setembro ou outubro; com a instituição de um grupo de trabalho, no início de setembro, para estudar a incorporação da GID; e estudar a viabilidade de uma solução emergencial para o grupo técnico-administrativo, com o argumento de que o plano de carreira só será possível a longo prazo. A categoria aventa a possibilidade de suspender a participação na campanha nacional Dia D da Vacinação, prevista para o dia 16 de agosto. A decisão será votada na próxima assembleia dos servidores, terça-feira (4), às 9h, no Ginásio dos Bancários.

PEC quer reduzir idade mínima de trabalho para 14 anos; MPT diz que proposta é ilegalPEC quer reduzir idade mínima de trabalho para 14 anos; MPT diz que proposta é ilegal

Sexta | 31.07.2015 | 08h13


Foto: Vagner Oliveira

O Ministério Público do Trabalho (MPT) emitiu um parecer contra a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 18/2011, do deputado Dilceu Sperafico (PP-PR), que pretende reduzir para 14 anos a idade mínima para trabalhar. O texto tramita na Câmara dos Deputados. O MPT afirma que, caso a proposta seja aprovada, o Brasil violará internacionais e uma cláusula pétrea da Constituição Federal (CF). A Constituição Federal de 1988 proíbe o trabalho noturno, perigoso ou insalubre a menores de 18 anos e qualquer trabalho a menores de 16, salvo na condição de aprendiz, a partir de 14 anos. Para a representante no Rio de Janeiro da Coordenadoria Nacional de Combate à Exploração do Trabalho de Crianças e Adolescentes (Coordinfância) do MPT, Sueli Bessa, a proposta representa um retrocesso social. “Essa redução é um retrocesso de direitos, com o objetivo único de precarizar as relações de trabalho”, alerta a procuradora do trabalho. Bessa afirma que a PEC representa mais um risco aos direitos sociais, juntamente com outras propostas que vem sendo apreciadas no Congresso Nacional, como a redução da maioridade penal e a ampliação irrestrita da terceirização. “No atual mercado, em que as vagas de trabalho são disputadas pelos adultos, não faz o menor sentido propor a redução da idade mínima para trabalhar. O correto seria investir na educação integral desses adolescentes e na profissionalização”, completa Sueli Bessa.

Pesquisadores tentam desvendar mistério de caixa lacrada há 4 séculos nos EUA

Quinta | 30.07.2015 | 19h02
Autor: G1


Caixa lacrada de prata foi encontrada com restos mortais de colonizadores (Foto: AP)

Foram dois anos de trabalho até que pesquisadores conseguissem identificar as ossadas de alguns dos primeiros colonizadores americanos, mortos 400 anos antes na localidade de Jamestown. Mas ainda havia um mistério: com os restos mortais, foi encontrada uma pequena caixinha de prata. Lacrada. Como seria possível então estudar seu conteúdo sem romper o lacre e danificar o conteúdo? Novamente, a resposta foi o uso de tecnologia de ponta. "Ela não podia ser aberta, então tivemos que descobrir um jeito de ver dentro dela sem abrir a caixa", diz James Horn, presidente da Jamestown Rediscovery. Pesquisadores usaram tomografias computadorizadas para mapear o interior da caixinha e impressão 3D para estudar os objetos fisicamente.

País tem de gastar até o triplo com aluno para ensino de qualidade

Quinta | 30.07.2015 | 17h05
Autor: Por Paulo Saldaña


(Foto: Reprodução)

Para atingir um padrão mínimo de qualidade - garantindo ainda o pagamento do piso salarial para todos os professores - o governo federal terá de ampliar em até 3 vezes o gasto anual por aluno. Esse salto pode representar, como é o caso das crianças em creches, até R$ 6 mil a mais por estudante anualmente - valor que a União complementaria a municípios e Estados. A creche é a etapa da educação que mais depende dessa complementação de recursos da União, segundo cálculos atualizados pela Campanha Nacional Pelo Direito à Educação para definir o Custo Aluno-Qualidade Inicial (CAQi). O índice consta no Plano Nacional de Educação (PNE) e sua adoção é prevista para 2016 - apesar de ainda não haver definição sobre o assunto por parte do Ministério da Educação (MEC). O CAQi indica o investimento necessário - e inicial - por estudante para que haja condições para a ampliação do número de vagas e para a melhoria da qualidade de educação em todo País. Entram na conta recursos para infraestrutura da escolas, materiais e equipamentos, além do salário dos professores - que responde pelo principal montante. O PNE ainda prevê que um CAQ (sem o “inicial”) seja adotado ao longo dos dez anos de validade do plano.

Barra do Choça: Mel é transformado em combustível

Quinta | 30.07.2015 | 15h01


Mel é transformado em álcool para veículo na Bahia (Foto: Reprodução/TV Sudoeste)

Proprietário de uma empresa produtora de mel no município de Barra do Choça, no sudoeste da Bahia, o apicultor Luiz Jordans desenvolveu um projeto que possibilita a transformação do alimento em álcool combustível. Por meio da ideia, o empresário diz que zerou o descarte de mel no empreendimento e hoje mantém um veículo usado nos negócios apenas com o combustível alternativo. Ao G1, Jordans explicou que a empresa produz dez mil quilos de mel por mês. Neste período, 100 quilos, que equivale a 1% da produção, acabavam sendo descartados por oferecerem risco ao consumo humano. O produtor tinha opção de transformar o percentual de descarte em ração para as próprias abelhas, entretanto, o risco de fermentação poderia colocar a vida dos insetos também em risco. “Temos uma produção sustentável e não queríamos jogar esse percentual descartado no meio ambiente. Isso nos incomodava”, ressaltou sobre o incentivo para o início dos estudos.

Governo publica lei do salário mínimo com veto à ampliação da regra a aposentados

Quinta | 30.07.2015 | 11h05
Autor: por Luci Ribeiro | Estadão Conteúdo


(Foto: Ilustração)

A presidente Dilma Rousseff (PT) sancionou a lei que estende a atual política de reajuste do salário mínimo até 2019. Resultado da aprovação da Medida Provisória 672, o texto está publicado no Diário Oficial da União desta quinta-feira (30) e, como já anunciado, veio com veto à extensão da regra aos benefícios e aposentadorias pagos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Pela política sancionada, o salário mínimo continuará sendo reajustado com base na correção da inflação, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) de um ano antes, mais a variação do Produto Interno Bruto (PIB) de dois anos anteriores. Ontem, o governo antecipou que iria vetar o reajuste aos aposentados vinculado ao mínimo. A extensão da regra, incluída pelos parlamentares durante a tramitação da medida provisória, foi aprovada pelo Congresso no início deste mês. 

Justiça cassa regra que permite a procurador viajar de classe executiva

Quinta | 30.07.2015 | 10h26
Autor: Por Marcelo Galli


(Foto: Ilustração)

A portaria que manda as unidades do Ministério Público da União comprar passagem aérea de classe executiva para os procuradores é "intolerável na atual ordem constitucional republicana”. Por isso, a juíza federal Célia Regina Ody Bernardes, da 21ª Vara Federal de Brasília, cassou a Portaria 41/2014, da Procuradoria-Geral da República. De acordo com a liminar, assinada nesta quarta-feira (29/7), a portaria, assinada pelo procurador-geral, Rodrigo Janot, ultrapassou os limites legais e constitucionais para instituir privilégio aos procuradores. Os artigos 1º e 2º do texto dizem que os membros do MPU, em viagens internacionais de mais de oito horas, têm direito a passagem na classe executiva.A portaria foi editada para regulamentar o artigo 227 da Lei Complementar 75/1993, a Lei Orgânica do MPU, e a Lei 8.112/1990. Mas, segundo a juíza, nenhum dos dois textos legais permite a compra de passagens de classe executiva. “Se o servidor público viajar a trabalho e quiser desfrutar da comodidade e do luxo disponíveis na classe executiva ou na primeira classe, pode, se assim o quiser, custear a mordomia, desde que o faça com seus próprios recursos – jamais com dinheiro público”, escreveu a juíza. A ação é de autoria da Advocacia-Geral da União. Questiona o fato de a portaria, ao regulamentar a Lei Orgânica do MPU, extrapolou as atribuições regulamentadores do PGR. De acordo com a AGU, a protaria viola os princípios republicanos da moralidade, da economicidade e da razoabilidade. Segundo a liminar, uma viagem de Brasília a Nova York, na classe econômica, custa R$ 2.497. Na executiva, o mesmo trecho, na mesma data hipotética, custa R$ 12.628. “É muito mais econômico pagar uma diária a mais para que o servidor descanse um dia e uma noite no local de destino e esteja em condições ideais de descanso, ao custo de US$ 416,00, do que pagar uma passagem na classe executiva", conclui a juíza. "É mais econômico porque a diferença na classe do voo permitiria o pagamento de aproximadamente mais oito diárias.” De acordo com o Portal Transparência do MPF na internet, os membros do órgão gastaram em viagens, que inclui passagens terrestres ou aéreas e valor de diárias, R$ 20,2 milhões em 2014. A juíza também determinou o encaminhamento da liminar à Assessoria de Comunicação Social da Seção Judiciária do Distrito Federal e do Tribunal Regional Federal da 1ª Região para divulgação, “a fim de garantir aos cidadãos seu direito à informação e à formação de opinião quanto a esta decisão”. Clique aqui para ler a decisão:http://s.conjur.com.br/dl/decisao-liminar-mpu.pdf.Processo 0034957-22.2015.4.01.3400

Bahia registra mais de 94 mil casos de dengue, zika e chikungunya até julho

Quinta | 30.07.2015 | 09h42


(Foto: Reprodução)

Até o fim de julho deste ano, a Bahia registrou 94.723 casos suspeitos de dengue, chikungunya e zika, conforme boletim divulgado pela Secretaria de Saúde do Estado nesta quarta-feira (29). O boletim aponta que deste montante, 50.896 das suspeitas são de dengue. As notificações de zika vem na sequência: foram 34.518 casos. Segundo informações do portal G1, a pasta ainda verificou 9.312 ocorrências de chikungunya. Das 417 cidades do estado, 371 apresentaram casos de dengue registrados pela Vigilância Epidemiológica. Lideram as ocorrências Itabuna (5.817), seguida de Ilhéus (5.106), Salvador (3.662), Luis Eduardo Magalhães (2.523), Feira de Santana (2.075), Jequié (1.963), Simões Filho (1.598), Arací (1.177), Serrinha (1.000) e Barra (953). Juntos, esses municípios concentram 50,84% dos casos. Dos casos confirmados na Bahia, 12 receberam sinal de alarme e 19 foram registrados como graves. Nove pessoas morreram da doença.